MUD Valinor

História do Clã Galadhremmin

Resumo: História da criação do Clã Galadhremmin, contando sobrea nobreza e valentia de seus fundadores, e razão de sua existência na Terra Média, além de abordar a origem de sua bela sede.

Há algum tempo atrás alguns corajosos ouviram boatos de que no Bosque
Sagrado havia uma ameaça a solta. Era um enorme Warg, descoberto por um
grupo de viajantes vindos de Isengard. Sabendo disso um grupo de soldados
partiu de Bri, para aniquilar a criatura que aterrorizava a todos e
amedrontava viajantes e vendedores estrangeiros...

Mas sendo muito despreparados para lutar contra esse poderoso Warg,
o grupo é massacrado pela criatura. Desse grupo, apenas três, Siependil,
Yakos e Ikana voltaram para Bri, para contar da humilhação que sofreram.
Mas esses três soldados não desistiram de aniquilar a criatura, formando
um plano para que o mais rápido possível colocássem-no em prática.

Meses se passaram até que os ferimentos venenosos causados pelo Warg
se curassem completamente, estava na hora de colocar o plano em prática.
Assim, chamaram mais cinco incríveis guerreiros, sendo um Anão, Haruk, um
Humano, Lurker e três Elfos, Loch, Cisco e Camerupt.

Na noite que antecedia a batalha, Siependil recebeu em seu quarto, no
Pônei, um bilhete anônimo, que dizia algo sobre o monstro que iriam caçar.
O tal monstro teria sido fruto de uma poderosa magia de corrupção mal
sucedida tentada por um dos "Grandes Clãs". Era um animal muito velho,
que já amedrontara outras partes da Tera-Média, e agora se instalara no
Bosque Sagrado. O responsável pelo bilhete não era citado, porém boas
informações tinham na carta, dentre elas o ponto fraco do Warg. Na carta
também havia uma canção escrita em Sindarin uma canção sobre o medo das
sombras, de como um perigoso ser foi libertado e fortificado, e de um poderoso
cavaleiro com a honra estraçalhada.

Nessa canção, Siependil percebeu um tópico interessante, sobre um
corajoso que havia lhe arrancado um olho antes de fugir. Então era isso, o
maligno ser não tinha uma das visões! Então seria fácil surpreendê-lo, talvez
com um arqueiro emboscando-lhe ao longe, ele cairia; e Camerupt era o melhor
arqueiro da demanda!

No dia seguinte os oito corajosos caçadores e soldados reunidos foram
para o Bosque Sagrado e prepararam uma emboscada, armadilhas e artilharia,
tudo perfeito, com sangue de cervo pra atrair a criatura...

Ao cair da noite, enquando Loch estava fazendo sua ronda ouviu um uivo
acompanhado de um calafrio na espinha e a visão à frente da mais vil e
assustadora criatura, o Warg, ele rosnava e babava a sua frente, com um
olhar rubro da cor do sangue e outro enegrecido, como se com isso tomasse
toda a coragem de sua vítima, paralizando-a. Todos ficaram paralizados com
aquela visão assustadora, enquanto assistiam ao Warg avançar sobre Ikana!

Porém, no momento em que o Warg rasgaria Ikana com suas presas, um
enorme machado cortou o ar com um silvo, atingindo o peito do Warg, e nesse
momento, Yakos gritou com sua voz firma 'PREPAREM-SE!' . Lurker ao ver o
Warg passar tentou ainda acertá-lo com um Punho Negro fortíssimo, Haruk
atacou a fera como pôde, já Cisco pulou dentre as árvores e rapidamente
sussurou palavras a seu valar tentando enfraquecer o monstro. Ainda Loch
com uma tremenda Esfera Quântica, machucou o Warg, que por sua vez,
permaneceu intácto!

E assim continuaram lutando por alguns minutos. Siependil, como
sugerido na carta, observava tudo de uma pequena plataforma na copa das
árvores, esperando o momento certo para atacar para fazer o sinal para
Camerupt atirar a flecha certeira. Chegado o momento, Siependil e Camerupt
se olharam, e Siependil gritou com furor: "Ataque Ranger!", mas...

No momento em que Camerupt mirou no Warg, ele o percebeu, foi como
se os segundos parassem de correr, no Bosque só os dois se faziam perceber e
nada mais. O temível ser olhou-o com um olhar vazio e aterrorizante, Camerupt
se paralizou, sentiu num segundo os dentes da criatura perfurarem-lhe a
carne, com uma dor só não é maior que seu medo.

E sem hesitar Siependil levemente caiu sobre os dois, descendo
lentamente e sussurando palavras e versos, tornando-se fosco e brilhante numa
alternância admirável, e quando chegou bem na altura do solo gritou uma
palavra que nem mesmo ele haveria de lembrar depois, nem em cem vidas
futuras! Essa tom divino foi-lhe concedido por inspiração e algo saltou da
ponta de seus dedos, uma espécie de esfera prateada rompeu o espaço e
atingiu o Warg. Nesse instante seus pelos se queimaram, congelaram e
tostaram numa onda de choque e enegrecem ainda mais, deixando-o à carne
exposta!

O bicho gritou de dor e largou sua vítima, correu pra floresta, mas se viu
emboscado pelos outros e, apesar da criatura estar furiosa, eles não se
intimidaram, pois estavam inspirados com a bondade de seu mestre Siependil.
Então Cisco gritou:

"Criatura das trevas, maldição de Melkor, agora veja seu final e encare
seus assassinos!"

Siependil lançou seu mais poderoso ataque e num vácuo, em pleno ar, o
Warg se contorceu de dor, ambos se olharam com ódio, um ódio tão grande que
os companheiros se assustaram ao ver a expressão na face deseu líder. Ele
torturava a criatura, com uma satisfação diabólica, quando de repente...


O Warg libertou-se e saltou sobre Siependil, grunhindo numa lingua
estranha, algo que até mesmo orcs temeriam repetir. Abocanhou o ombro
esquerdo de Siependil que reagiu atravessando-lhe com seu cajado de topazio!
Ambos rolaram no chão, o Warg levou grande vantagem sobre o elfo, os outros
tentaram ainda ajudá-lo de alguma maneira mas se viram incapacitados. Cada
um já havia se ferido, o mais grave até então era o de Camerupt, e todos eles
rapidametne incharam causando dores insuportáveis!

Sozinho e sem chance Siependil apelou por ajuda e num ato heróico Ikana
acertou com sua espada o dorço do Warg com todas as suas forças,
separando - o de Sipendil agora gravimente ferido...

Siependil viu seu companheiro cair no chão, seu ombro esquerdo fora
parcialemtne arrancado, a dor era lancinante, então percebeu uma figura nas
sombras, observando-o! O vulto lançou-lhe dois livros, um com capa preta
e outro com capa verde e então, mandou que Siependil pensasse em seu Hröar
e abrisse os dois livros, ao mesmo tempo, e obedecendo sem hesitar logo abriu-
os! Neste instante o Warg saltou sobre ele e do livro verde surgiu uma grande
árvore branca, ela emitiu uma pálida luz sobre o monstro e nesse instante o
vulto acertou-o com uma punhalada no olho direito; Siependil ouviu gritos de
dor, e percebeu que o livro negro continha a figura de um Warg.

A luz da árvore pareceu curar os ferimentos de Siependil, ou pelo menos
ele acreditou nisso, pois não havia mais dor agora... e Tudo se tornava claro.
Ele se via deixando seu corpo,e flutuando no ar...

O corajoso e amado mestre estava morto, apesar da criatura também
estar, mas não houve alegria, e sim tristeza, muita tristeza pela morte do
querido mestre. O resto do grupo voltou para Bri sem festejar, e sem
entender o porquê daquela árvore ter surgido logo alí.

Enquanto isso, nos salões eternos e longe dos companheiros, uma voz
ecoava na mente de Siependil: "Siependil, pela sua grande bondade você e seus
amigos venceram um dos monstros mais temidos da Terra-Média... Construa
um clã em homenagem a esse grupo de corajosos amigos que o ajudaram a
destruir essa criatura. Nessa ordem você será o líder, o melhor líder, do qual
eles jamais conhecerão igual. Você foi morto e está em Mandos, após se
recuperar voltará para a Terra-Média... Olhe, não me desaponte. Nos
encontraremos de novo elfo, obrigado...Siepen"

Meses depois o elfo Siepen retornou ao mesmo Bosque, no mesmo local
onde encontrou uma imensa árvore clara, com com pedaços de madeira no
tronco fomando apoios e no topo uma graciosa morada entre os galhos,
perfeita. E em seu topo as runas "Niem Siependil Mirâ süe, da cuë soná Siepen"
e três alianças douradas acima com uma placa de Bem Vindo...



Como jogar?

Leia nosso Guia para Iniciantes e
jogue agora
(ajuda)

Esse recurso permite jogar sem instalar nada em seu computador, mas você também pode usar um cliente de MUD convencional.

Em caso de dúvidas, veja as perguntas mais frequentes ou faça a sua.

Dicas de jogo

Quer ver quem está online? Ter mais informações sobre alguém? Use sempre WHO e WHOIS!