MUD Valinor

História do Clã e Família Unidos Pelo Sangue

por Keyner, em 18/10/2011, lido 4857 vezes (Clãs)

Resumo: Unidos Pelo Sangue - um clã que defende a integridade e a lealdade acima de qualquer coisa! Esta é uma ramificação da história da família Warnyngster, que pode ser conferida em: HTTP://mud.valinor.com.br/articles.php?id=139

Nota: esta é uma ramificação da história da família Warnyngster, que pode ser conferida em: HTTP://mud.valinor.com.br/articles.php?id=139

Introdução

Após algumas centenas de anos, depois de pelo menos cinco membros passarem a contar já a nobre família Warnyngster, Keyner convocou uma reunião, uma espécie de Conselho que ele vinha já postergando e ponderando há muito tempo.

Na altura, todos estavam meio que separados. Cada um seguia seu destino, fazendo sua vida, adquirindo riquezas, construindo famílias, ramificando assim a família Warnyngster.

Shiandle, mesmo, era um dos

Ele dissera a Keyner que fora adotado por uma família renomada que vivia nas florestas, mas que tragicamente lhes sobreviera a morte, que fora para eles de uma maneira cruel e agonizante. Disse ainda que herdara também o sobrenome McCauley, preservando-o, em sinal de agradecimento para com aqueles que tiveram piedade dele nas horas que mais precisou.

Keyner entendera, e apoiava completamente seu irmão, e agradecia inclusive que ele havia retornado, pois enfim a grande reunião que até então vinha postergando a tempos poderia ser realizada.

Lwayt por sua vez, era um declarado e autêntico mulherengo. Ele as adorava, mas não queria se tornar prisioneiro das mulheres. Portanto, casar-se pelo menos naquele momento não fazia parte de seus planos, embora todos insistissem em que ele tomasse juízo e fosse mais precavido, para não fazer daquelas pobres e ingênuas vítimas femininas mães solteiras, a exemplo de Rachmanof, o pai de todos eles. Lwayt até ouvia mas não escutava. E assim seguia.

Já Itchy, um dos novos integrantes da família, procurava sempre estar junto de seus irmãos. Por séculos ele perambulou pela Terra Média solitário e desamparado. Desde que sua mãe o trocou pelo seu padrasto, ele se tornara dependente apenas de si próprio para viver e como todo Warnyngster deve ser, sobreviveu a tudo, enfrentando por diversas vezes inúmeros obstáculos, os quais nunca foram capazes de o abater. Fez muita fortuna e conquistou terras, sendo assim agora que encontrava sua verdadeira família, com toda a riqueza que detinha, era realmente um homem de bem.

Portanto, Itchy procurava sempre se manter por perto, sendo inclusive um dos únicos a até então compartilhar os planos de Keyner para sua família. Shiandle era o outro que fazia uma idéia e apoiava completamente, mas devido ao seu longo momento de ausência, fazia pouco caso. Mas agora estava de volta e disposto a por fim imortalizar a família Warnyngster.

Já Elenath, esta sim era a que poderia se chamar de uma parente distante. Poucas vezes a viam. Fora por toda a sua vida independente, desde que sua mãe morreu em uma terrível catástrofe, onde uma violenta e incomensurável avalanche esmagou sua pobre barraca que se mantinha ao pé de uma velha montanha. Ela sobrevivera por puro milagre, pura interferência de Iluvatar, diriam alguns.

Na época, ela era apenas uma adolescente, e mesmo assim foi valente o suficiente para não se entregar às circunstâncias que se apresentavam para ela, e dando as costas ao mundo, já que este também lhe dera, ela sozinha e completamente isolada, sobreviveu por muitos e muitos anos até encontrar sua família. Mas agora que a encontrara, não conseguia se entregar completamente a pessoas para ela tão estranhas. Na verdade, qualquer pessoa naquele momento para Elenath era estranha, por isso ela preferia apenas a companhia da consoladora e compreensiva solidão do que seus irmãos.

Mas ainda assim ela os amava, embora pudesse ter motivos suficientes para odiá-los; pois sua mãe, Eleny, fora uma das vítimas amorosas de Rachmanof Warnyngster. Mas então ela respondera ao chamado da familia, ao contrário do que muitos pensavam. E estava ali, nos arredores de Imladris, sentada junto com todos em troncos, naquela clareira iluminada por uma fogueira crepitante e exalando um cheiro adocicado de madeira queimada.

Foi uma linda noite do 27º dia do Cermië do 3091º ano da Terceira Era do Sol. Estavam alí todos os Warnyngster reconhecidos, que até então se contavam em cinco. Eram todos guerreiros renomados, lendários e o mais importante, íntegros acima de qualquer coisa. Não apoiavam injustiças, nem criavam desavenças espontaneamente. E apesar de tudo isso, eles agora estavam ali, entreolhando-se, como que se estranhando.

Itchy então abriu um sorriso amigo, quebrando instantaneamente o mal estar.

_ Irmãos - disse ele, alegremente -enfim nós, unidos, como deveria sempre ser. Conversemos então, pois o que nosso irmão tem a propor,vai certamente alegrar a todos nós.

As palavras e o sorriso amigável estampado no rosto de Itchy produziram o efeito esperado. Imediatamente todos relaxaram e se acomodaram melhor em seus assentos improvisados.

_Muito bem - disse Keyner.

_Shiandle, que é o único que realmente se manteve afastado por completo da família por um bom tempo, tem algumas coisas a vos contar.

Shiandle então se levantou, e todos olharam para sua figura imponente assomando na paisagem, sob uma lua cheia que insidia seus raios em seus cabelos negros, proporcionando uma beleza reluzente a ele. Todos puderam notar sua clara evolução, seu esplendor se desprendendo de seu corpo, uma altivez que antes não existia, que só as duras penas que a vida impõe podem moldá-la.

Para alguns, a história já era conhecida. Mas, Elenath principalmente, desconhecia-na totalmente. Porém mesmo para os que conheciam, Shiandle não tinha dado detalhes; e agora ele os apresentava, surpreendendo a todos na mesma intensidade. E depois de todos se ressentirem do final trágico que a família valente de meio elfos teve, Shiandle se sentou, concluindo sua dura e honrosa aventura. Todos aprovaram a posição de Shiandle, e prestaram homenagem à sua nova família.

Então Keyner, aproveitando-se o rumo da reunião, expôs suas idéias. Ela estava fundamentada, essencialmente, num plano já antigo que até mesmo seu pai, nos seus últimos momentos de vida profetizou, a unificação e concretização da dinastia Warnyngster; isto implicava, como se conferiu, em um clã para a família.

Porém, com o andamento das coisas, Keyner foi vendo que fazer um clã só para os Warnyngster, seria um tanto egoísmo da parte deles; além de eventualmente algum Warnyngster não reconhecido poder ser um desamparado eternamente, por se inibir com a restrição, é possível que também outras histórias lindas como a da família viessem a aparecer. Era o que inclusive já acontecia, Shiandle ter se envolvido com uma outra família, através de uma aventura muito emocionante e parecida com a dos Warnyngster, por sinal.

E portanto Keyner após expor seu plano, aguardou pelas opiniões dos outros. Itchy que já conhecia o plano em partes, apoiou completamente, e até sugeriu um nome "Unidos pelo Sangue". Keyner adorou a sugestão, mas alguns acharam o nome muito medonho, como por exemplo Lwayt, que sarcasticamente disse "é muito nojento, parece um ritual de mulheres quando estão..." e um olhar severo de Elenath o fez não prosseguir em seus pensamentos que ela julgava mesquinhos.

Uma risada abafada então se ouviu ali próximo, todos se voltaram e... Eis que das sombras da árvore, surge um alegre elfo, de olhar vivo e semblante jovial. Shiandle imediatamente se levantou e tomou a frente dizendo "este é meu primo, Edraham é seu nome; ele é um McCauley legítimo, e eu o convoquei para este conselho, pois ele é valente, valoroso guerreiro e sem família. Portanto, ele é um de nós, guerreiro honroso, como todos aqui".

Todos ficaram admirados, mas não espantados. Foi uma surpresa para eles, que acolheram alegremente. Edraham então se juntou ao grupo, e se sentou ao lado de seu primo. Agora eram seis membros naquele Conselho.

A reunião prosseguiu então. Shiandle apoiou prontamente a idéia de Itchy, "pois seria mais coerente, em vez de por exemplo, colocarmos o nosso sobrenome". Keyner e Itchy apoiaram suas palavras. E então Elenath se levantou. Alta, elegante e imperativa; envolta numa austeridade e altivez real: com cabelos dourados que caiam numa cintura fina e marcante, um rosto onde dois olhos azuis brilhantes e frios como o aço, aquela elfa terrivelmente bela ia se pronunciar.

Todos aguardavam expectantes por este momento. E agora estava ela ali, a pairar sobre eles, como uma poderosa Vala da beleza. O som de sua vóz ao se desprender de seus lábios, pareciam águas cristalinas a rolarem numa fluídica cachoeira. E todos mal entenderam o que ela disse, pois além de se deleitarem com sua relaxante voz, foi breve e muito grave o que ela pronunciou. Shiandle foi o primeiro a despertar do estorpor, e então tomou consciência do que Elenath proferira.

_"Não farei parte do clã" ecoou na mente dele. Em seguida, um a um todos foram se dando conta da gravidade, mal ousando em acreditar. Keyner então olhou fixamente para Elenath. Seus olhares se digladiaram por um instante, uma conflitante fusão do negro e azul do olhar de ambos, respectivamente, aconteceu. E então Keyner relaxou. O clima de tensão se dissipou e Elenath se adiantou a falar novamente, agora com a vóz um pouco vacilante.

_Não serei do clã de vocês por motivos próprios, motivos que só eu entendo... Motivos absurdos que nunca vocês entenderão, então estou poupando-os de se chatearem mais ainda não os revelando.

_Um silencio pairou no ar naquele instante. Todos olhavam para o nada, enquanto Elenath se mantinha ainda imponente sobre eles, rivalizando com a beleza natural do ambiente. E então Keyner suspirou e fez sinal de positivo, indicando que a entendia. Ninguém mais fez nenhum sinal, e Shiandle com um "continuemos a reunião" fez com que a mesma prosseguisse e Elenath retomasse seu lugar.

_Depois deste evento, não muita coisa mais foi debatida. O nome ficou mesmo determinado como Unidos pelo Sangue, por unanimidade, Lwayt portanto mudando de idéia. Elenath mesmo não sendo do clã, foi lhe dada todo direito de ir e vir quando quisesse ao mesmo, podendo participar também em muitas das decisões que surgissem.

E assim o clã Unidos pelo Sangue começou a ser projetado; com seu lema "União, integridade e fraternidade" a regê-lo.

Como jogar?

Leia nosso Guia para Iniciantes e
jogue agora
(ajuda)

Esse recurso permite jogar sem instalar nada em seu computador, mas você também pode usar um cliente de MUD convencional.

Em caso de dúvidas, veja as perguntas mais frequentes ou faça a sua.

Dicas de jogo

HELP COMPARE. Isso irá te ajudar numa terrível questão: qual item é melhor? Trocar ou não?